sábado, 21 de janeiro de 2017

Contagem regressiva para o Impactar 2017 em São Paulo. O Encontro Nacional da Juventude Assembleiana acontecerá nos dias 25 a 28 de janeiro

Contagem regressiva para o Impactar 2017 em São PauloNos dias 25 a 28 de janeiro, jovens de todo o Brasil estarão reunidos na cidade de São Paulo para participar do Impactar 2017. O evento encerra o ciclo de eventos voltados para líderes de jovens e adolescentes - o Liderar - realizados em 2015 e 2016 em todas as cincos regiões brasileiras e organizados pela Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD) em parceria com a Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB). Com base no tema "É chegada a hora!" (Jo 12.23), o Encontro Nacional da Juventude Assembleiana - o Impactar 2017 - será realizado no novo templo-central da Assembleia de Deus do Belenzinho, sob a presidência do pastor José Wellington Bezerra da Costa, presidente da CGADB.
O maior Encontro de Jovens da história das Assembleias de Deus no Brasil terá como preletores os pastores José Wellington, presidente da CGADB, da AD em São Paulo e da Convenção Fraternal e Interestadual das Assembleias de Deus no Ministério do Belém (Confradesp); José Wellington Costa Júnior, líder da AD em Guarulhos (SP) e presidente do Conselho Administrativo da CPAD; José Satírio (Cucuta, Colômbia); Raul Cavalcante, líder da AD em Imperatriz (MA) e presidente da Comissão e Evangelismo e Discipulado da

domingo, 15 de janeiro de 2017

Profecias ilógicas, bizarras e incoerentes

Recentemente, dois vídeos ligados a falsas profecias “viralizaram” nas redes sociais. Num deles, um milagreiro — que diz ter visitado mais países do que os reconhecidos pela ONU — resolveu revelar a cinco irmãos, em um culto, os números de uma famosa loteria. Disse ele: “O Senhor falou para mim que tem cinco pessoas que vão se tornar milionárias, pois vão acertar na Mega-Sena. Cinco irmãos que jogam na Mega-Sena levantem a mão. Não tenham medo; não tenham vergonha”. E, por incrível que possa parecer, eles se manifestaram! O “profeta”, então, lhes disse: “Anote aí: 7, 8, 3, 4, 2, 0. Se anotou, recebeu a bênção”. E o povo o aplaudiu.

No segundo vídeo, um famoso “apóstolo” — que costuma desafiar e amaldiçoar pessoas que se lhe opõem — profetizou a um candidato a vereador: “Está selado; eu ligo na terra. Se a boca de Deus fala por mim, amanhã por essas horas você vai estar cantando o hino da vitória. Ou Deus não fala por mim”. Resultado: o candidato não obteve nem cinco

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Como é ser cristão na Coreia do Norte. O país é o mais perigoso do mundo para quem toma a decisão de seguir a Cristo

13-coreia-estatua-lideres
A Coreia do Norte é um país governado por paranoia ditatorial, onde todos os cidadãos têm a obrigação de reverenciar seus líderes. Não há espaço para religião e aqueles que ousam conhecer a Jesus Cristo pagam um alto preço. O cristianismo é visto como "ópio do povo" e também como uma ideologia ocidental. Normalmente, os estados comunistas têm essa visão.
A pressão aos cristãos acontece em um nível muito elevado em todas as esferas da vida. Quem entra para a família cristã sabe que deve fazer isso em sigilo. Família, vizinhos e até mesmo os melhores amigos não podem descobrir

domingo, 1 de janeiro de 2017

Todos os dias há cristãos que morrem porque decidiram não negar a Cristo

Todos os dias há cristãos que morrem porque decidiram não negar a Cristo
Para nós que fazemos parte da igreja livre de perseguição, a morte muitas vezes tem um significado simbólico. Muitos costumam dizer que "morreram para o mundo" ou que de alguma forma deixou morrer a velha criatura para que uma nova pessoa em Cristo pudesse nascer.
Para a Igreja Perseguida a morte é algo bem real. Morrer pelo nome de Jesus parece ser corriqueiro para eles. Mas não é o tipo de notícia que chega até nós através da TV. Todos os dias, porém, há cristãos que morrem porque decidiram não negar a Cristo. Veja:
Bangladesh
Hossain foi um líder cristão muito ativo em seu país. Quando se converteu, suportou primeiro a pressão dos familiares, teve o salário negado no trabalho por ser cristão, mas

sábado, 31 de dezembro de 2016

EBENEZER! Ate aqui nos ajudou o Senhor! Feliz e abençoado 2017!

Chegamos ao final de mais um ano. Certamente que os dias de 2016 foram intensos. Podemos somar alegrias e também frustrações. Não obstante as nossas lutas e batalhas o SENHOR nos sustentou e nos fez vitoriosos. E assim, no limiar de um novo ano podemos exclamar como o sacerdote Samuel: “Ebenézer! Até aqui nos ajudou o Senhor!” (1Sm 7.12).
A expressão hebraica “Ebenézer” literalmente significa “pedra de Ajuda” e aparece três vezes na Bíblia Sagrada (1Sm 4.1; 5.1 e 7.12). Na primeira e segunda citação a palavra refere-se a uma aldeia de Efraim. Na terceira citação “Ebenézer” é o nome dado a uma pedra

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Pesquisa do Datafolha revela que 44% dos evangélicos são ex-católicos

Pesquisa do Datafolha revela que 44% dos evangélicos são ex-católicosTrês em cada dez (29%) brasileiros com 16 anos ou mais atualmente são evangélicos, dividindo-se entre aqueles que podem ser classificados como evangélicos pentecostais (22%), em maior número e frequentadores de igrejas como Assembleia de Deus, Universal do Reino de Deus, Congregação Cristã e Quadrangular do Reino de Deus, e 7%, como evangélicos não pentecostais, pertencentes a igrejas como Batista, Presbiteriana e Metodista, entre outras. Esse segmento evangélico fica abaixo do formado por católicos (50%), e ainda há 14% sem religião, 2% de espíritas, kardecistas e espiritualistas, 1% de umbandistas, 1% de praticantes do candomblé, 1% de ateus e 2% de outras religiões.
Desde a década de 90, quando o Datafolha iniciou sua série histórica de consultas sobre o tema, esse quadro tem se alterado, com a diminuição na diferença dos índices de católicos e

Convenção Assembleiana do Paraná repudia o modelo de igreja em células

Convenção Assembleiana do Paraná repudia o modelo de igreja em célulasO avanço do modelo celular em muitas igrejas evangélicas tradicionais tem causado preocupação principalmente em vários arraiais da denominação Assembleia de Deus, conhecida pelos seus traços mais conservadores em muitos aspectos litúrgicos e organizacionais.
Um dos constantes embates que muito pastores mais antigos da Assembleia de Deus enfrentam trata-se da forma de praticar a evangelização usando métodos criados fora das porteiras assembleianas, como por exemplo, o Método Celular ou mais conhecido como igrejas em células.
O método celular é a base de crescimento das igrejas neopetencostais no país, diferentemente do método assembleianos que ainda continua, em sua maioria, utilizando os métodos mais tradicionais (cultos nos lares, cruzadas, evangelismo nas ruas, etc).

vídeos gospel de Pres. Médici-MA

Loading...